ilustra089O Amauri Carvas é dono da Fatto a Mano Massas Especiais e quer saber saber como divulgar seus produtos. “Temos um produto prime, diferenciado do mercado. Gostaria de saber como divulgo meu produto sendo que às vezes o meio de divulgação é um investimento caro?”

Os especialistas em inovação do Sebrae Edson Pereira e José Miguel Chaddad respondem ao Amauri Carvas. Segundo Pereira, a “divulgação nunca é investimento caro. É sempre uma aplicação com retorno, principalmente para quem tem produtos como os feitos pela Fatto a Mano. Produtos diferenciados normalmente implicam em públicos diferenciados.”

Segmentar o público é uma boa dica, já que permite direcionar o marketing. O Amauri faz isso. Vende para hotéis, restaurantes e bufês. Com o público-alvo definido, só precisa ser melhor trabalhado. Para isso, o empresário pode aproveitar suas características pessoais para fazer o marketing da empresa. O dono da Fatto a Mano Massas é, por exemplo, comunicativo e gosta fazer contato direto com o cliente.

“O que ele tem que fazer é uma mala-direta, carta que ele possa enviar aos seus clientes, e até visitar um a um, já que a empresa atende a um mercado mais elevado. Vale esse investimento pessoal de fazer um corpo a corpo.”, ensina José Miguel Chaddad.

Já o Edson Pereira orienta a investir em formas baratas de divulgação. “Um catálogo de produtos e quem sabe uma loja virtual”.

Corpo a corpo

Além do site, há que considerar que o Amauri tem um contato direto com o público, em todo lugar onde suas massas são servidas. Melhor divulgação impossível. “Ele tem que veicular de maneira que os convidados saiam de lá com o nome Fatto a Mano registrado, com isso no primeiro momento vão procurá-lo. Para isso, poderia fazer um pequeno mailing, cartão ou até um banner. Isso terá que negociar com o dono da festa.”, explica Chaddad.

O marketing é investimento. Para atingir novos públicos, o Amauri poderia pensar em profissionalizar a comunicação da sua empresa? “Se ele quer fazer com que a massa dele seja conhecida por um público que não o freqüentador do hotel mas de poder aquisitivo e que busque um produto diferenciado, as melhores pessoas seriam as especializadas nessa área de mídia. Isso daria mais visibilidade para a empresa.”, avalia Pereira.

Os consultores também respondem a dúvidas no blog Faça Diferente. Mande sua pergunta por meio do canal comentário, que fica no final de todas as páginas do blog. Participe!

Saiba mais
Como manter a criatividade na empresa

Inovação em marketing